Secção portuguesa em Leipzig.

  • Referência
    «Em Leipzig — A inauguração da secção portuguesa da Exposição das Artes Gráficas», O Mundo, n.º 4936, de 3 de junho de 1914, p. 2.
Assunto

Inauguração da secção portuguesa da Exposição Internacional de Artes Gráficas de Leipzig.

Ficha

«Como noticiámos, realizou-se no dia 29 do mês passado, pelas 16 horas, a inauguração da secção portuguesa da Exposição Internacional de Leipzig. Foi uma cerimónia modesta, mas muito significativa para o nosso país, pelas carinhosas manifestações de que foi alvo e por se haver patenteado de forma inequívoca que temos sabido acompanhar os progressos das artes gráficas nas suas diversas manifestações. […] Estando todos reunidos, o Sr. Gregório Fernandes, representante do comissário do governo português, leu o seguinte discurso:»
«Em nome do comissário da República Portuguesa, que motivos ponderosos inibem, a seu pesar, de se encontrar em Leipzig neste momento, muito agradeço a S. Ex.ª o Sr. presidente Dr. Volkman e demais ilustres membros do Diretório da Exposição Internacional do Livro e das Artes Gráficas a sua cativante visita à secção portuguesa. Orgulha-se Portugal em ter, ainda que modestamente, a sua representação neste grandioso certame, o qual assinala um notabilíssimo facto, não só na história da poderosa nacionalidade alemã, mas na de todos os países que aqui concorreram e, à compita, vieram afirmar os esplêndidos progressos mundiais da excelsa arte de Gutenberg. A dentro dos seus limitados recursos, Portugal mostra, nos trabalhos que tem a honra de apresentar nesta Exposição, que lhe merece todo o interesse e o mais acrisolado carinho o cultivo das indústrias gráficas nas suas variadas manifestações.»
«[…] Os jornais de Leipzig, sem exceção, referiram-se à inauguração da secção portuguesa de forma muito honrosa para Portugal e para a República.»