Edição fac-similada da Coleção Camoniana.

  • Referência
    «Um exemplar da "Coleção Camoniana" oferecido pela Imprensa Nacional ao almirante Américo Thomaz», Diário de Notícias, de 6 de junho de 1972, p.1.
Assunto

Edição fac-similada da Coleção Camoniana, pela Imprensa Nacional, e oferta de um exemplar ao Presidente da República, Américo Tomás.

Ficha

«O Presidente da República recebeu ontem à tarde, em audiência, no Palácio Nacional de Belém, o presidente do conselho de administração da Imprensa Nacional, Dr. Higino de Menezes, e o administrador Ramiro Farinha, acompanhados do presidente da comissão nacional das Comemorações do IV Centenário da Publicação de “Os Lusíadas”, Prof. Hernâni Cidade, individualidades que lhe fizeram oferta de um exemplar, artisticamente encadernado, da “Coleção Camoniana”, de José do Canto, que aquela empresa decidiu publicar, em edição fac-similada, no âmbito das celebrações.
Publicada pela primeira vez em 1895, a “Coleção Camoniana” aparece agora enriquecida com prefácio do Prof. Hernâni Cidade, numa reedição que constitui importante iniciativa da Imprensa Nacional para assinalar os quatrocentos anos do nosso maior poema épico. […]»