MARRECA, António de Oliveira

  • Nascimento
    1805
  • Morte
    1889
  • Categoria Profissional
    Administrador-Geral
Biografia

 

Assin. de Roque Gameiro. Reprodução INCM/Biblioteca.

Nasceu em Santarém, em 26 de março de 1805. Foi economista, escritor, professor de Economia Política, lente do Instituto Industrial de Lisboa, sócio da Academia Real das Ciências e guarda-mor do Arquivo Nacional. Integrou o primeiro diretório do Partido Republicano Português, estando entre os percursores do republicanismo no nosso País.

Foi Deputado às Cortes e Administrador do Distrito de Angra do Heroísmo. Aderiu ao Setembrismo e dirigiu, depois de Alexandre Herculano e Feliciano Castilho, o «Panorama, Jornal Literário e de Instrução», órgão da Sociedade Propagadora dos Conhecimentos Úteis, com o qual colaboraram muitos outros intelectuais e escritores e que chegou a ser impresso pela Imprensa Nacional. Fundou a Comissão Revolucionária de Lisboa, em 1848, dirigiu o Partido Histórico Progressista e participou no Clube dos Lunáticos, em 1864, e na revolta da Janeirinha em 1868.

Foi Administrador-Geral da Imprensa Nacional em 1835 e 1836. Foi sob a sua breve administração que se procurou reorganizar a distribuição das coleções da legislação através dos governadores civis e administradores do reino, de forma a tornar o sistema mais eficaz e regular. Neste curto período de tempo em que administrou a Imprensa Nacional, Oliveira Marreca protagonizou também a primeira experiência editorial no plano de promoção da instrução pública, com a publicação do Jornal Mensal de Educação.
Morreu em Lisboa, em 19 de março de 1889.